50 anos do Ano Político Suíço O nascimento da "Wikipedia" da política suíça







O livro anual da política suíça se moderniza: no 50° aniversário, a edição impressa se transforma em uma plataforma online. E os leitores também saem ganhando com o acesso gratuito.

O "Ano Político Suíça" deixa de ser um livro para se tornar uma plataforma na internet.

O "Ano Político Suíça" deixa de ser um livro para se tornar uma plataforma na internet.

(Keystone)

A primeira edição do livro anual bilíngue "Ano Político Suíço" foi lançada em 1966. Desde então, os acontecimentos políticos em nível cantonal e federal estão sempre documentados nessa publicação.

Se inicialmente seu objetivo era servir de fonte de dados para cientistas políticos, depois ele se tornou um instrumento importante para a formação de opinião do eleitor. Nada mal para os autores, acadêmicos do Centro de Ciências Políticas da Universidade de Berna.

Online ao invés de impresso

Os editores aproveitam agora o 50° aniversário da publicação para uma modernização: agora o "Ano Político Suíço" não será mais publicado como livro anual de crônicas, mas como plataforma online.

Segundo os responsáveis na Universidade de Berna, o principal objetivo é atender às novas demandas dos pesquisadores e facilitar o acesso às informações. "Mas não haverá mudanças no conteúdo", ressalta Marlène Gerber. "A principal vantagem da publicação online é evitar o trabalho de vasculhar livros de vários anos para poder encontrar as informações." 

Marlène Gerber, do Insituto de Ciências Políticas da Universidade de Berna.

Marlène Gerber, do Insituto de Ciências Políticas da Universidade de Berna.

(ipw.unibe.ch)

Banco de dados para política

A plataforma oferece um motor de procura, com o qual é possível encontrar dados através de atores, instrumentos, temas e palavras-chave. Além do banco de dados, também ficam disponíveis as atividades políticas, resumos de estudos, estatísticas e também artigos publicados nos livros impressos. A plataforma também é uma forma de banco de dados para temas político-sociais.

O site irá atender partidos, associações, mídias, administrações públicas, pesquisadores e a opinião pública. A maior vantagem é que o acesso é agora gratuito. A partir de 2017, endereço online www.anneepolitique.swissLink externo será ativado. Alguns cientistas políticos já a vislumbram como uma espécie de "Wikipédia" da política helvética. 


Adaptação: Alexander Thoele, swissinfo.ch



Links

×