AFP

O grupo farmacêutico alemão Bayer anunciou na madrugada desta terça-feira que está preparado para aumentar a oferta de compra da rival americana Monsanto

(afp_tickers)

O grupo farmacêutico alemão Bayer anunciou na madrugada desta terça-feira que está preparado para aumentar a oferta de compra da rival americana Monsanto.

Em um comunicado, a Bayer informa que considera elevar a oferta a 127,5 dólares por ação, contra US$ 125 oferecidos inicialmente. A proposta elevaria o valor da transação a quase 66 bilhões de dólares, incluindo a dívida.

A oferta anterior da Bayer foi rejeitada em julho pela empresa americana, que a considerou "financeiramente inadequada e insuficiente". A Monsanto, no entanto, afirmou que esperava prosseguir com as negociações.

A empresa alemã indicou que não pretende realizar uma aquisição hostil.

Um acordo entre os dois grupos criaria o líder mundial em sementes geneticamente modificadas e pesticidas.

Ao mesmo tempo, a Monsanto tenta adquirir o grupo suíço Syngenta há um ano, assim como a unidade de agroquímicos da BASF, de acordo com a Bloomberg.

A BASF poderia desempenhar um papel para ajudar a Monsanto ante as pretensões da Bayer, informou a agência em julho.

afp_tickers

 AFP