Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que virou réu por corrupção e lavagem de dinheiro, criticou acusações de que é alvo

(afp_tickers)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que virou réu por corrupção e lavagem de dinheiro, declarou nesta terça-feira que as acusações contra ele são uma "farsa" e um "show de pirotecnia".

"Estou triste porque acabo de saber que (o juiz Sérgio) Moro aceitou a denuncia contra mim, apesar de ser uma farsa, uma grande mentira, um grande show de pirotecnia", declarou Lula em videoconferência para um evento internacional organizado por seus advogados em Nova York.

"De qualquer forma, como acredito na Justiça e temos bons advogados, vamos lutar, ver no que dá", disse Lula.

Moro, encarregado do julgamento do megaescândalo da Petrobras, aceitou nesta terça a denúncia por corrupção contra o ex-presidente.

"Presentes indícios suficientes de autoria e materialidade, recebo a denúncia contra os acusados", afirmou o juiz em texto enviado à imprensa.

A Procuradoria-Geral da República denunciou Lula por ter recebido 3,7 milhões de reais em benefícios da construtora OAS, uma das principais envolvidas no escândalo do "Petrolão".

Lula "seria o beneficiário direto de vantagens concedidas pelo Grupo OAS e, segundo a denúncia, teria conhecimento de sua origem no esquema criminoso que envolveu a Petrobras", destaca Moro.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP