AFP

(Arquivo) O tenor sul-africano Johan Botha se apresenta em Bayreuth, Alemanha, no dia 25 de julho de 2013

(afp_tickers)

O tenor sul-africano Johan Botha faleceu aos 51 anos de idade devido a uma doença grave e fulminante, informou nesta quinta-feira a Ópera de Viena.

Botha, que também tinha nacionalidade austríaca, morreu em Viena, onde estava muito ligado à ópera local, segundo os meios de comunicação.

"Johan Botha foi um dos melhores tenores mundiais (...) e até pouco tempo atrás um dos nossos melhores cantores", disse Dominique Meyer, diretor da Ópera de Viena.

O Teatro alla Scala, em Milão, onde o tenor atuava frequentemente, disse que Botha "fez uma brilhante carreira internacional que teve como cenário os principais teatros do mundo".

Botha também se apresentou no teatro Metropolitan Opera, em Nova York, entre outros locais.

O presidente sul-africano, Jacob Zuma, saudou "um dos nossos cantores de ópera mais talentosos e um embaixador da África do Sul no mundo".

afp_tickers

 AFP