AFP

O presidente Barack Obama pediu neste sábado aos americanos que deixem de lado os desentendimentos políticos e se unam em apoio aos atletas que participam nos Jogos do Rio.

(afp_tickers)

O presidente Barack Obama pediu neste sábado aos americanos que deixem de lado os desentendimentos políticos e se unam em apoio aos atletas que participam nos Jogos do Rio.

Em seu discurso por rádio e internet semanal, Obama elogiou a diversidade da equipe americana e pediu que seus compatriotas apreciem "a competição pacífica e o espírito esportivo" dos Jogos Olímpicos.

"A equipe dos Estados Unidos nos recorda que o país sempre se ergueu como referência absoluta: somos uma nação de imigrantes que baseia sua força em sua diversidade e está unida em um orgulho nacional".

A delegação conta com "o maior número de mulheres americnas a participar nos Jogos Olímpicos", assim como "alguns esportistas que são quase tão veteranos quanto eu, e outro nascido um ano que minha filha mais nova".

Também conta com uma campeã de esgrima que será "a primeira atleta olímpica americana a usar um hiyab durante a competição", assinalou Obama referindo-se ao véu islâmico usado por Ibtihaj Muhammad, uma afro-americana muçulmanos de 30 anos.

Sua participação acontece em meio a uma campanha presidencial marcada por uma retórica anti-islamita.

"Neste intenso momento político, aproveitemos esta oportunidade de nos unirmos sob uma mesma bandeira", acrescentou Barack Obama.

Ele também elogiou a presença da equipe olímpica de refugiados, dez atletas da República Democrática del Congo, de Etiópia, do Sudão do Sul e da Síria.

afp_tickers

 AFP