AFP

(Arquivo) O Twitter anunciou nesta segunda-feira que está flexibilizando o limite de 140 caracteres por tuíte, conforme uma política anunciada em maio para deixar de contabilizar certas extensões, como fotos, no tamanho das mensagens

(afp_tickers)

O Twitter anunciou na segunda-feira que está flexibilizando o limite de 140 caracteres por tuíte, conforme uma política anunciada em maio para deixar de contabilizar certas extensões, como fotos, no tamanho das mensagens.

"Fale mais com seus 140 caracteres! Fotos, vídeos, GIFs, perguntas e citações já não serão contabilizados", disse um tweet oficial da rede social, que busca ampliar sua base de usuários.

A nova política isenta anexos de mídia, como fotos, vídeos e enquetes, do limite de caracteres, assim como tweets que são citados em retweets.

Em meio a rumores de que o Twitter estaria procurando maneiras de cortar custos ou até mesmo de vender o serviço, a empresa, com sede em San Francisco, tem adicionado novos recursos, incluindo vídeos ao vivo.

A última decisão flexibiliza, mas não elimina totalmente o limite de 140 caracteres, que foi criado devido a restrições de tamanho das mensagens de texto transmitidas por telefones móveis que existiam quando o Twitter foi lançado, em 2006.

Analistas disseram que o Twitter precisa encontrar novas maneiras de atrair usuários para além do núcleo de celebridades, políticos e jornalistas, cujo número se estagnou no ano passado.

Em sua última atualização trimestral, o Twitter disse que o número mensal de usuários ativos subiu para 313 milhões, um aumento de 3% em relação ao ano passado e que ultrapassa levemente os 310 milhões registrados no trimestre anterior.

O Twitter ainda não registra lucros, mas tem aumentado notoriamente a sua receita de publicidade.

afp_tickers

 AFP