AFP

Wall Street fechou em queda nesta sexta-feira, com os temores de uma restrição monetária cada vez mais fortes: o Dow Jones perdeu 2,13% e o Nasdaq 2,54%

(afp_tickers)

Wall Street fechou em queda nesta sexta-feira, com os temores de uma restrição monetária cada vez mais fortes: o Dow Jones perdeu 2,13% e o Nasdaq 2,54%.

Segundo os resultados definitivos, o índice Dow Jones Industrial Average caiu 394,46 pontos, a 18.085,45 unidades, e o Nasdaq recuou 133,57 pontos, a 5.125,91 unidades. O índice S&P 500 caiu 53,49 pontos, a 2.127,81 unidades.

Depois de um trimestre tranquilo, a Bolsa de Nova York foi sacudida com a queda mais pronunciada do Dow Jones desde 24 de junho, dia seguinte ao Brexit.

"Levando em conta os comentários do Banco Central Europeu (BCE) ontem e as declarações de integrantes do Federal Reserve (Fed), há mais possibilidades de que o Fed, e o mundo, se aproximem de uma limitação de sua política de dinheiro a baixo custo", explicou David Levy, da Republic Wealth Advisors.

Às 20h20 GMT (17H20 horário de Brasília), o mercado de títulos recuou. O rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos subiu 1,674%, em relação aos 1,599% de quinta-feira. O dos bônus a 30 anos ficaram em 2,395%, em comparação aos 2,303% da véspera.

afp_tickers

 AFP