Reuters internacional

Membro das forças iraquianas visto em Mosul. 15/10/2016 REUTERS/Azad Lashkari

(reuters_tickers)

GENEBRA (Reuters) - Até 100 mil iraquianos podem se deslocar para Síria e Turquia para fugir do ataque militar do governo do Iraque contra o Estado Islâmico em Mosul, informou nesta segunda-feira a agência de refugiados da Organização das Nações Unidas.

O Alto Comissariado da Organização das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), emitiu um apelo por mais 61 milhões de dólares para tendas, acampamentos, itens de inverno e fornalhas para deslocados dentro do Iraque e novos refugiados que precisam de abrigo nos dois países vizinhos.

"O Acnur está preocupado que os eventos em Mosul possam fazer com que até 100 mil iraquianos se desloquem para Síria e Turquia", informou a agência.

"Estão sendo feitos preparativos na Síria para receber até 90 mil refugiados iraquianos".

Forças do governo do Iraque, com apoio aéreo e terrestre da coalizão liderada pelos Estados Unidos, iniciaram uma ofensiva nesta segunda-feira para expulsar o Estado Islâmico da cidade de Mosul, último grande reduto dos militantes no país.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

reuters_tickers

 Reuters internacional