Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Ano do Jardim 2016 Jardins do mundo

"Ano do Jardim 2016 - espaço de convívios". A campanha, divulgada em toda a Suíça, tem por objetivo a proteção dos espaços livres e jardim, um fator que deve ser levado em conta ao se pensar no adensamento urbano de qualidade.

Nesse contexto, a exposição organizada no Museu Rietberg apresenta jardins conhecidos de várias partes do mundo e conta histórias de pessoas que encontraram em jardins inspiração, amor, sorte ou refúgio.

As diferentes apresentações e a procura do paraíso são alguns dos temas tratados. Outro é a história da cultura dos jardins na Europa, da Idade Média até o Romantismo. Um jardim urbano construído pelo museu com verduras e especiarias serve como exemplo da atual cultura.

Grandes nomes da arte estão representados na exposição como Kitagawa Utamaro, Claude Monet ou Max Liebermann. Também nomes contemporâneos são lá encontrados: Ai Weiwei e Wolfgang Laib.

Um dos pontos centrais da exposição são jardins na pintura indiana. Mais de 60 imagens exibem a diversidade dos jardins, mas também o forte relacionamento entre o homem e a natureza: palácios suntuosos com jardins geométricos, terraços, nos quais se debate temas diversos e pavilhões, onde pares apaixonados se encontram.

(Texto e imagens: Museu Rietberg) 

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.