(Reuters) - Boris Johnson, principal candidato para a sucessão da primeira-ministra britânica, Theresa May, disse a parlamentares favoráveis ao Brexit que deixaria aberta a possibilidade de suspender o parlamento para forçar uma saída sem acordo da União Europeia, reportou o jornal The Times nesta quinta-feira.

Em um encontro particular na semana passada, Johnson garantiu que o Grupo de Pesquisa Europeia, grupo de parlamentares que apoiam radicalmente o Brexit, que ele não descartaria explicitamente tal medida, segundo reportou o jornal, citando um "importante apoiador do Brexit" anônimo.

(Reportagem de Maria Ponnezhath)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.