Catar registra recorde de frio

 AFP

Uma mulher catariana passeia em Doha, em uma imagem de arquivo

(afp_tickers)

Catar, um país desértico, registrou neste domingo um recorde de frio, com 1,5°C, segundo um comunicado dos serviços meteorológicos.

Esta temperatura, a mais baixa desde o início das estatísticas meteorológicas no país, foi registrada pela estação de Abu Samra, no sudoeste da península, segundo um texto citado pela agência oficial QNA.

O recorde anterior era de 3,8°C, registrado em 1964, acrescenta a fonte.

O Catar e vários países do Golfo sofrem há dias com uma queda geral das temperaturas, às vezes acompanhada de fortes ventos.

Nos Emirados Árabes Unidos, houve nevascas sobre o monte de Jebel al-Jais, no emirado de Ras al-Jaima.

O Catar costuma ter um clima muito quente, o que levou a Fifa a mudar os meses da Copa do Mundo, que será sediada pelo país em 2022, para novembro e dezembro, que têm temperaturas mais amenas.

AFP

 AFP