Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Copa do Mundo na Rússia "Não se deve misturar esporte com política"

O Conselheiro Federal Ueli Maurer foi convidado à Embaixada da Rússia em Berna por ocasião da partida de abertura da Copa do Mundo. Ele aproveitou a oportunidade para falar da Rússia, da neutralidade suíça e, claro, de futebol.

Ueli Maurer et l'ambassadeur russe Sergueï Garmonine

O ministro da Fazenda suíço Ueli Maurer (esquerda) e o embaixador russo Sergei Garmonin

(Keystone)

Mas o que o ministro da Fazenda suíço Ueli Maurer fazia na recepção oficial organizada pela embaixada russa em Berna para o jogo de abertura entre a Rússia e a Arábia Saudita? Na verdade, ele próprio ex-ministro encarregado do Esporte, Ueli Maurer é tão apaixonado pelo esporte quanto seu sucessor [Guy Parmelin], explicou o embaixador russo.

swissinfo.ch: Ueli Maurer, quando o senhor visitou a Rússia pela última vez?

Ueli Maurer: Foi por ocasião das Olimpíadas de Sochi, quatro anos atrás. Desde então, não voltei.

swissinfo.ch: Quando pensa na Rússia, o que vem primeiro à sua mente?

U.M.: Esporte, literatura e música. Eu sou um grande fã da literatura russa, por exemplo, Tolstói.

swissinfo.ch: O senhor vai estar pessoalmente na Rússia para a Copa?

U.M.: Eu não sei ainda se terei tempo suficiente disponível. Mas se for possível, poderei assistir a apenas uma partida e terei que retornar à Suíça imediatamente depois.

swissinfo.ch: Isso é uma decisão política?

U.M .: Sim, mas vejo isso como uma decisão positiva. Como um país neutro, a Suíça pode e deve se mostrar na Rússia. Mas neste ponto, tenho uma opinião um pouco isolada na Suíça.

swissinfo.ch: Para não pôr em risco as relações com a Rússia?

U.M.: Nós participamos indiretamente em sanções contra a Rússia. Neste tipo de situação difícil para os dois países, acho que é uma boa ideia não deixar que os relacionamentos desmoronem em um nível pessoal. Em algum momento voltaremos a conversar e lidar juntos e é bom que a rede de contatos ainda exista.

swissinfo.ch: O senhor também entende a posição daqueles, na Suíça, que gostariam de boicotar a Copa do Mundo na Rússia?

U.M.: Não se deve misturar esporte com política. A Suíça tem o direito de se manifestar politicamente, mas temos que nos manter em contato.



Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.