Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Custos da saúde Cirurgiões e seguradoras concordam com preços fixos

As companhias suíças de seguros de saúde e os cirurgiões chegaram a um acordo sobre a cobrança de taxas fixas para certas operações oftalmológicas. Outras áreas cirúrgicas também estão sendo discutidas. O movimento é visto como um passo em direção à redução dos custos da saúde.

A close-up of an eye operation.

No futuro, as operações oculares na Suíça serão cobradas numa base fixa

(Keystone)

Santésuisse, a associação dos planos de saúde da Suíça, disse em um comunicado em 9 de fevereiro que havia assinado um acordo com a associação dos cirurgiões suíços (FMCH) em relação a um plano ambulatorial de remuneração fixa para certas operações oftalmológicas. As taxas fixas serão pagas pelas operações de catarata e glaucoma, bem como procedimentos no vítreo.

O acordo ainda deve ser aprovado pelas autoridades estaduais de saúde. A participação neste novo sistema de preços fixos é voluntária e os médicos que usarão cobrança de taxa fixa também participarão automaticamente de um programa europeu de garantia de qualidade.

+ sobre o funcionamento do sistema de saúde suíço

O sistema de saúde suíço é conhecido por seu excelente nível de cuidados, mas também é um dos mais caros do mundo. A Suíça gasta 11% do produto interno bruto (PIB) nos cuidados de saúde, atrás dos EUA (17%), Holanda, França, Alemanha e Canadá. O governo tem tentado reduzir os custos da saúde e os prêmios dos planos de saúde.

De acordo com as associações, as taxas fixas para tratamento ambulatorial simplificam o faturamento e os controles e reduzem os custos e encargos administrativos.

Os preços acordados com os cirurgiões estão ligeiramente abaixo dos custos médios de tratamento previamente cobrados. Verena Nold, diretora da Santésuisse, está convencida de que economias podem ser feitas dessa forma, disse para swissinfo.ch.

Médicos eficientes e conscientes dos custos serão recompensados por este novo sistema, enquanto que os médicos que continuam no antigo, e caro, sistema de tarifas individuais enfrentarão questões críticas das companhias de seguros no futuro. Nold disse que o método deve erradicar as poucas ovelhas negras da profissão médica que haviam se beneficiado do complicado sistema de saúde do país, aumentando os custos médicos.

O Conselho Federal suíço (governo) estima que meio bilhão de francos podem ser economizados com este novo modelo de saúde.


swissinfo.ch/fh

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.