Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Desafio demográfico


Idosos vão precisar de mais ajuda em casa


Incorporar

O número de idosos necessitando de ajuda caseira deve aumentar dramaticamente ao longo dos próximos quinze anos, como avalia o grupo de interesse de aposentados, Pro Senectute. (RTS/swissinfo.ch).

Um estudo intitulado "Primeiro ágil e depois frágil", mostra que 57% das pessoas com mais de 85 anos - aproximadamente 190 mil pessoas na Suíça - vivem atualmente em casa. Em 2030, esse número irá crescer em 65%, passando a representar 404 mil pessoas.

Isso significa que um forte aumento dos custos para cuidar dessa população. Números fornecidos pelo Centro de Deficiência e Integração da Universidade de St. Gallen mostram que os custos de tratamento em casa de aposentados irão aumentar de 7,2 bilhões de francos e 2015 para 10,5 bilhões em 2030, de acordo com estimativas conservadoras.

O estudo identifica as principais deficiências na área de saúde caseira e serviços domésticos e indica a direção em que o desenvolvimento deve ocorrer. O grupo reivindica mais debates públicas para encontrar uma solução ao financiamento do tratamento de idosos, especialmente para as classes mais desprivilegiadas.