Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Estatísticas criminais Roubos caem pela metade, mas fraudes aumentam

policial ao telefone

Em 2018, a polícia registrou cerca de 112.000 roubos em toda a Suíça, o que representa um declínio de 7.9% em comparação com o ano anterior.

(Keystone / Gian Ehrenzeller)

O número de roubos registrados na Suíça caiu quase pela metade desde 2012, mas os casos de fraude estão aumentando. Crimes violentos permanecem estáveis.

Em 2018, a polícia registrou cerca de 112.000 roubos na Suíça, representando um declínio de 7,9% em relação ao ano anterior, de acordo com as mais recentes estatísticas de criminalidade publicadas pelo Escritório Federal de Estatísticas na segunda-feira.

Em 2012, foram 219.000 roubos registrados. O termo inclui invasões de residências ou comércios até batedores de carteira, mas não furto em lojas ou roubo de veículos.

Roubo (1.644 ofensas) e danos materiais sem roubo (42.243 ofensas) também estão em declínio, ambos atingindo uma baixa de dez anos em 2018. O número de arrombamentos também caiu em 7%, para 30.383. Isso ainda equivale a três assaltos por hora na Suíça, de acordo com a Conferência dos Comandantes de Polícia Cantonal.

O roubo de veículos também atingiu seu nível mais baixo desde 2009. Em comparação com 2017, menos bicicletas, mas mais e-bikes foram reportadas como roubadas à polícia.

O número total de infrações registradas pela polícia contra o Código Penal e a Lei de Narcóticos caiu 1,4% e 4,7%, respectivamente, em 2018.

Fraudes em alta

Alguns crimes observaram um aumento no ano passado. Casos de fraude aumentaram em 23% para 16.319 casos, a taxa mais alta desde que as estatísticas foram revisadas em 2009.

Outras ofensas criminais que são menos frequentes (menos de 1.000 ofensas por ano), como chantagem, falsificação ou impostura, entrada não autorizada em sistemas de processamento de dados ou bilking (jantar e fuga) atingiram seu nível mais alto em dez anos.

Segundo a Conferência dos Comandantes de Polícia Cantonal, foram cometidos mais 13% de infrações penais, por exemplo, no uso indevido de equipamentos de processamento de dados.

Apesar do aumento de agressões (+745) e de lesões físicas simples (+187), o número total de crimes violentos por 1.000 habitantes permaneceu relativamente estável em 5,2 por mil, ou um total de 1.425, segundo o departamento de estatística.

Houve 50 homicídios na Suíça em 2018, dos quais mais da metade ocorreu em casa.

Queda na delinquência juvenil

Com 8.553 casos, a polícia registrou menos 0,5% de infrações por menores em 2018 em comparação com o ano anterior. Em 2009, houve 14.899 crimes juvenis.

Entre aqueles com idade entre 18 e 24 anos, houve um aumento de 1,5% (13.859) em relação ao ano anterior, mas isso também é uma queda em comparação com 2009 (16.595). Os adultos representavam 57.796 dos acusados, o que representa um aumento de 3,6%. Este é o maior valor desde 2009, quando havia 48.666 adultos acusados.

O número de menores e adultos acusados ​​de uso de drogas caiu 9,6% e 3,4%, respectivamente.

O escritório estatístico observa que esse declínio afeta principalmente o consumo de produtos de cannabis. O uso de cannabis só é punido por uma multa para adultos e, portanto, não é relatado em estatísticas policiais.




swissinfo.ch/ets, Keystone-SDA

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.