Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Marmota alpina O bonito roedor que aparece em cartões postais e cartazes

Seu rosto gosto ilustra cartões postais e sua gordura é utilizada em pomadas. Na Suíça, a marmota é tanto mascote, como medicina - e para os amantes da caça, uma refeição. 

Um membro da família dos esquilos, as marmotas alpinas têm patas poderosas e fortes garras para ajudá-la a cavar suas tocas nas áreas montanhosas. Elas vivem em grupos de até 20 animais. Os filhotes vivem com os pais até os três anos e depois se tornam independentes quando chegam a idade de se acasalar. O animal dobra de peso ao se preparar para a hibernação, que vai do início de outubro até meados de abril.

Além das populações de marmotas selvagens nos Alpes e na região do Jura, a Suíça tem um número de famílias de marmotas em cativeiro que pode ser vista em parques próximos às estações ferroviárias nas montanhas. Esses roedores fazem ruídos estridentes para avisar os membros da sua colônia da proximidade de um potencial perigo. Um apito longo significa um predador aéreo, como uma águia. Uma série de assobios curtos indica predadores terrestres, como raposas.

especiais A vida selvagem na Suíça

Nessa série de 12 artigos apresentamos algumas das espécies mais conhecidas da natureza da Suíça.

Uma exposição realizada no Museu Nacional Suíço declara a marmota como um dos quatro animais mais icônicos da Suíça. Além disso, documenta o caso de marmotas mantidas como animal de estimação ou exemplos de medicamentos feitos a partir de gorduras da marmota. Comumente vendidos nas farmácias suíças, essas pomadas e óleos são usados ​​para aliviar a dor, inchaço e erupção cutânea.

Temporada de caça

As marmotas também aparecem nos menus dos restaurantes que servem opções de carne de caça mais comuns, como o veado. Na verdade, entre setembro e outubro, os guardas florestais caçam milhares de marmotas para controlar sua população no país. Como raposas, cervos e camurças, as marmotas não estão protegidas.

Por exemplo, há muitas marmotas em Zermatt no momento. Os agricultores reclamam que elas cavam muitos buracos nas pastagens, criando incômodos e riscos adicionais. A Secretaria de Turismo de Zermatt reconhece o conflito, mas também comemora a presença de cerca de mil animais que vivem perto do vilarejo turístico do Matterhorn.

Ragu de marmota

De acordo com o jornal suíço Blick, a marmota tem gosto de coelho. Aqui está a receita do jornal para o ragu da marmota.

Ingredientes: Uma marmota (pronta para cozinhar e cortar em pedaços), cebolas, vinho branco, caldo, creme, alecrim, sal, pimenta

Preparação: corte a marmota em pedaços e retire a gordura. É importante fazer isso três vezes, permitindo que a carne esfrie entre as sessões. Caso contrário, a carne não terá um sabor agradável. Em seguida, frite a carne com as cebolas, tempere e depois adicione o vinho, caldo e creme.

Características da marmota

Vida útil: 15-18 anos em cativeiro

Peso: 3-8 kg, dependendo da época do ano

Comprimento: 42-54cm, mais a cauda de 13-20cm

Alimentação: raízes, folhas, flores, ervas e gramíneas

Onde encontrar: terrenos montanhosos e pastagens subalpinas em altitudes variando de 800 a 3.200 metros acima do nível do mar.

Situação da espécie: encontra-se em grande número, não há preocupação.

Aqui termina o infobox

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Destaque