Reuters internacional

Kerry e Lavrov durante reunião em Nova York. 22/9/2016. REUTERS/Darren Ornitz

(reuters_tickers)

NOVA YORK (Reuters) - Os Estados Unidos e a Rússia não chegaram a acordo sobre a forma de retomar um cessar-fogo na Síria, nesta quinta-feira, e o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, disse que Washington não pode ser o único a tentar manter aberta a porta para a paz e apelou à Rússia e ao governo sírio para fazer sua parte.

"Se os russos voltarem para nós com propostas construtivas, nós vamos ouvir", disse Kerry depois de uma reunião do Grupo Internacional de Apoio à Síria, durante reunião anual da Organização das Nações Unidas.

"Os Estados Unidos vão continuar a buscar todas as vias de progresso que podemos, porque é a única maneira de parar a matança, é a única maneira de aliviar o sofrimento e é a única maneira de tornar possível a restauração de uma Síria unida", completou Kerry.

Estados Unidos e Rússia lideram os esforços diplomáticos para negociar um cessar-fogo duradouro e têm discutido como coordenar ataques a militantes do Estado Islâmico e o grupo formalmente conhecido como Frente Nusra.

Um cessar-fogo de sete dias, mediado por Washington e Moscou, entrou em colapso nesta semana.

(Reportagem de Lesley Wroughton)

reuters_tickers

 Reuters internacional