Direto para o contenido
Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Uma festa tradicional na Suíça


Iodelei, o canto alpino


 Outras línguas: 3  Línguas: 3
Incorporar

Multidões estão chegando nesses dias à Davos. Porém dessa vez, o motivo não é o célebre encontro anual do Fórum Econômico Mundial (WEF, na sigla em inglês), mas sim para participar do Festival Internacional de Iodelei, o canto alpino. Pelo interesse despertado entre grupos de todas as idades, é possível ver que as tradições fortes na Suíça. (SRF, swissinfo.ch)

Segundo a Wikipédia, o "iodelei (do inglês yodelling ou jodelling, às vezes escrito com grafia -eling, e este do alemão Jodeln, substantivo neutro, do verbo jodeln) é uma forma de canto utilizando sílabas fonéticas, criando um som que muda rapidamente e repetidamente. A palavra iodelei ou jodeln é uma palavra onomatopéia, ou seja, uma palavra cuja sonoridade imita a voz, ruídos de objetos ou animais. Esta técnica vocal é usada em muitas culturas, mas é principalmente conhecida na região dos Alpes, pois a região favorece o eco por seu terreno acidentando cheios de vales, lagos e rochedos".

O festival é organizado a cada três anos em uma diferente cidade da Suíça. Para a edição de 2014, que ocorre de 3 a 6 de julho, foi escolhida a cidade de Davos. Ela é organizada pela Associação Suíça de Cantores de Iodelei.

Durante três dias, a cidade alpina recebe amantes do estilo originários não apenas da Suíça, mas também de várias partes do mundo. Os organizadores esperam receber 180 mil visitantes, um número mais reduzido do que nos eventos precedentes. A razão está na escolha da região: o iodelei é menor popular no cantão dos Grisões do que em outras partes do país.