Fórum Dê sua opinião




(swissinfo.ch)

Um acirrado debate ocorre atualmente no Twitter. Ele foi provocado pela proposta de Claudio Kuster, secretário político do senador Thomas Minder (sem partido, Schaffhausen): "Suíços do estrangeiro não devem ter direito de voto". Qual é a sua opinião? 

Não é a primeira vez que o direito de voto dos suíços do estrangeiro é colocado em questão. A última vez foi em 2015, quando esse grupo especial de eleitores teve um papel importante nos resultados no plebiscito de um tema que não atingia diretamente seus interesses: a revisão da Lei de Rádio e TV (RTVG, na sigla em alemão). Na época o jornalista Florian Schwab (Weltwoche) enviou pelo Twitter a seguinte mensagem. 

schwab

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Tradução: Não é possível que suíços do estrangeiro possam impor um novo imposto às pessoas que aqui vivem. Precisamos reformar isso urgentemente! 

Depois do plebiscito de 12 de fevereiro de 2017 a questão do direito de voto voltou ao debate. Foi quando Claudio Kuster tematizou através do Twitter uma questão levantada por um artigo publicado na swissinfo.ch sobre o comportamento eleitoral dos suíços do estrangeiro

claudista

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Tradução: Suíços do estrangeiro não deveriam ter direito de voto, pois praticamente não é possível ter acesso a eles com informações e campanhas. 

Para mostrar a discussão iniciada nessa rede social, aqui estão alguns tweets selecionados

Como os suíços do estrangeiro se informam?

lüscher

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Tradução: Sandro Lüscher @sandroluescher
@cloudista Eles podem, sim, se informam. Mas eles o fazem?

Que outras regras fariam sentido?

sven

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Claudio Kuster @cloudista
@sandroluescher De fato. O princípio da territorialidade e também singularidade (One man one vote) são feridos aqui.

 Sven Sobernheim @sven_zurich
@cloudista Eu considero que as regras aplicadas na Alemanha fazem mais sentido. http://www.konsularinfo.diplo.de/wahlen @sandroluescher

Quem é atingido verdadeiramente pelos resultados da votação?

minli

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Claudio Kuster @cloudista
@metamythos Faz parte, logicamente. Mas você quer - e precisa - poder falar diretamente com o eleitorado, não apenas midiatizado. Como na Suíça
Folgen
Min Li Marti @minlimarti
@cloudista @metamythos Eu acredito que o problema são as decisões que não dizem respeito a eles. Ao contrário dos estrangeiros que vivem na Suíça.

O que pensam as pessoas atingidas ou as organizações as quais estão ligadas?

rohr

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

aso2

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

schiller

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Sandro Lüscher @sandroluescher
@cloudista Informieren könnten sie sich ja. Doch tun sie es auch?
Folgen
Daniel C. Rohr @danielrohr3
@sandroluescher @cloudista Mas previdência, imposto na fonte e outros impostos devem ser pagos por eles?

SwissCommunity.org @SwissCommunity
@cloudista Talvez os suíços do estrangeiro se deixem pouco influenciar pelas campanhas. Muitos grupos da população suíça 1/2

 SwissCommunity.org @SwissCommunity
@cloudista votam de forma diferente. Cidade, campo, jovem/velhos, Suíça ocidental, oriental, nível educacional...Quem não deve poder votar? 2/2

 Min Li Marti @minlimarti
@cloudista @metamythos O problema é mais em relação

Min Li Marti @minlimarti
@cloudista @metamythos Eu acredito que o problema são as decisões que não dizem respeito a eles. Ao contrário dos estrangeiros que vivem na Suíça.

 Manuela Schiller @SchillerManuela
@minlimarti @cloudista @metamythos Eu me questiono a cada vez quando recebo o envelope de voto do consulado italiano. Eu tenho a ver com isso? Sim e não.

Qual é a sua opinião? Discuta conosco nos enviando um comentário.

As melhores opiniões ou afirmações serão utilizados pela redação em um artigo.

Mostre a Suíça global: marque suas fotos no instagram com o hashtag
#WeAreSwissAbroad 

Nós vamos compartilhar fotos e vídeos selecionados em nossa página do instagram, e esperamos descobrir suíços e suíças vivendo histórias notáveis pelo mundo.


É um grande prazer para a swissinfo.ch oferecer uma plataforma para você publicar suas vivências em retratos, anedotas e histórias. 

Mostre a Suíça global: marque suas fotos no instagram com o hashtag
#WeAreSwissAbroad 

Nós vamos compartilhar fotos e vídeos selecionados em nossa página do instagram, e esperamos descobrir suíços e suíças vivendo histórias notáveis pelo mundo.

É um grande prazer para a swissinfo.ch oferecer uma plataforma para você publicar suas vivências em retratos, anedotas e histórias. 

(swissinfo.ch)


×