Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

"O melhor restaurante na Europa"

Um menu fica por cerca de 80 francos suíços

O restaurante Kunststuben, de Zurique, é qualificado de o melhor da Europa pelo guia norte-americano Zagat. O também famoso guia Michelin, francês, concede-lhe 2 estrelas, de um máximo de 3. E seu concorrente Gault-Millau o recompensou 3x.

O Zagat atribui 28 pontos, numa escala de 30, ao Kunsstuben que tem um cozinheiro-chefe alemão - Horst Petermann - e serve pratos da cozinha francesa (que não deixa de ser uma referência no mundo).

No restaurante pode-se, por exemplo, saborear uma refinada sopa de abóbora, acompanhada de foie gras, ou trufas pretas e cogumelos em torno de um galeto.

"Minha paixão é meu negócio"

Para criar o que se pode definir como uma sinfonia de sabores, Petermann opta por produtos locais frescos. "Minha paixão, diz ele, é meu negócio... comida... Sonho com isso e penso que é como música". E não deixa de insistir que tem vários amigos, freqüentadores do restaurante que vêm da Opera de Zurique, entre os quais o diretor, Alexander Pereira. "Comida e música são muito semelhantes, e se precisa ter inclinação para isso", insiste o mestre-cuca.

O restaurante foi criado numa antiga galeria de arte, daí seu nome Kunststube, literalmente peça (quarto) de arte, em alemão. E o dono se sente orgulhoso de atrair artistas que além da arte gostem de boa comida.

"De cores e gostos..."

Para o guia Zagat, ela é a melhor da Europa. Para o Michelin, é simplesmente boa. Seu concorrente famoso, o Gault-Millau, discorda: já recompensou 3 vezes o restaurante. Mas como já diziam os romanos antigos, "de cores e gostos não se discute".

O Kunstuben não fica em Zurique mesma, mas no chique vilarejo de Küsnacht - a 15 minutos do centro da cidade. Küsnacht que com o tempo se tornou praticamente um bairro de Zurique, situa-se à beira do lago do mesmo nome e é local onde a burguesia da região prefere viver.

Mas quanto deve custar um simples menu no Kunststube de Küsnacht? Cerca de 80 dólares. Por 30 dólares já se bebe meia garrafa de bom vinho.

Samantha Tonkin / Adapt. J.Gabriel Barbosa


Links

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×