Relações Suíça-Europa: a opinião dos suíços do estrangeiro

A relação da Suíça com a Europa não é apenas motivo de preocupação na Suíça. Muitos suíços no exterior também estão preocupados.

Este conteúdo foi publicado em 26. setembro 2019 - 11:00
swissinfo.ch

O projeto #SWIontour enviou seis equipes de reportagem da swissinfo.ch para visitar clubes suíços nos EUA, Argentina, Brasil, França, Alemanha e Itália durante este último verão. Queríamos registrar os sentimentos e o clima político in loco. Ouvir e apresentar o que é importante para as pessoas que olham para a sua terra natal à distância.

Entre outras coisas, organizamos debates eleitorais juntamente com esses clubes para discutir as próximas eleições na Suíça. Também perguntamos aos participantes destes eventos o que esperavam das eleições e o que pensavam da Suíça e da Europa.

Quando da publicação do mais recente barômetro eleitoral da SRG/SSR (Sociedade Suíça de Radio e Televisão, a empresa-mãe da swissinfo.ch), ficou claro que os principais desafios políticos enfrentados pelos suíços no exterior diferem daqueles enfrentados pelos suíços no país de origem. Para a Quinta Suíça, a questão que mais influencia o seu comportamento eleitoral é a relação do país com a União Europeia. Afinal, grande parte deles vivem na UE e são diretamente afetados.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo