Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

"Volta da França" em busca de resgate

O suíço Alex Zülle (centro), um dos favoritos desse "Tour de France" 2000.

(Keystone)

Realiza-se de 1° a 23 de julho a mais prestigiosa corrida ciclística do mundo. Dois anos depois do escândalo do doping, 180 atletas lançam-se nessa aventura de 3662 km: de Poitiers (centro oeste) a Paris, passando pela "côte d'azur" e a Suíça.

Dois anos após o "escândalo Festina" e sem solução satisfatória para a questão do doping no ciclismo, o "Tour de France" começa novamente a dominar a atualidade esportiva européia, uma vez terminada a Eurocopa.

Durante 3 semanas ciclistas dos 4 cantos do mundo - inclusive o português Orlando Rodrigues - disputam essa prova que "pertence ao patrimônio comum francês" e foi criada em 1903.

A pressão é muito grande para que o bom desempenho dos ciclistas seja apenas resultado da inteligente utilização dos próprios músculos sem consumo de drogas mais ou menos perigosas.

Pela primeira vez em 10 anos, os vencedores das três últimas voltas participam desse "Tour de France": o alemão Jan Ullrich (1997), o italiano Marco Pantani (1998) e o americano Lance Armstrong (1999). Eles estão no papel de favoritos.

Entre os "outsiders" figuram o suíço Alex Zülle, que ficou em 2° lugar no ano passado, o espanhol Abraham Olano, o francês Laurent Jalabert, entre outros. Em 3 semanas, com etapas de até 250 km, tudo pode acontecer.

swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.