Sequelas de Srebrenica

Esta é a história de uma muçulmana bósnia que lutou na linha de frente durante a guerra na Bósnia (1992-1995). Ao final do conflito, veio para a Suíça com medo de sofrer represálias dos sérvios. Em 1995, Zuhra Hodzic foi testemunha do massacre de Srebrenica. O horror que viveu deixou profundas sequelas. Até hoje ela está em tratamento psicológico. (Julie Hunt, swissinfo.ch)

Este conteúdo foi publicado em 02. maio 2012 - 11:00

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo