Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

A Suíça que resistiu

O general Guisan foi um dos símbolos da resistência suíça (photo:generalguisan.ch)

"A outra Suíça - 1940-1944", é o título do livro de um jornalista francês, lançado simutaneamente na França e na Suíça.

Irritado com as criíticas violentas dos últimos anos acerca das relações da Suíça com a Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial, o jornalista francês Jean-Piierre Richardot, publica um livro para demonstrar que os suíços "não eram a favor dos nazistas".

Ex-jornalista do jornal "Le Monde", Richardot nasceu em 1929 e morou na Suíça entre 1942 e 1945. Ele diz que se lembra muito bem do comportamento dos suíços e decidiu escrever o livro 4 anos atrás para reagir "à imagem totalmente negativa da Suíça apresentada ao mundo inteiro nos últimos anos".

Contra a Suíça de Ziegler

Richardot afirma que o que ele houve atualmente sobre a Suíça não corresponde às suas lembranças nem ao que sabe da Suíça.

Ele diz ainda que grande parte dos intelectuais franceses pensa que a verdade histórica sobre o papel da Suíça durante a Segunda Guerra é a apresentada pelo sociólogo e escritor suíço Jean Ziegler, autor de livros críticos sobre esse período.

O jornalista francês se sentiu, então, no dever de testemunhar. Escreve, por exemplo que, nas regiões de fronteira, muitos suíços ajudaram a Resistência Francesa, movimento que lutou contra a ocupação alemã.

Nem uma coisa nem outra

O livro de Richardot contém pesquisas e testemunhas de 50 suíços de todos os meios que ele próprio entrevistou e que combateram o nazismo. Ele descreve, entre outros, o movimento secreto de resistência A.N.V., criado na Suíça em 1940, e que estava pronto para intervir, inclusive militarmente, se o governo suíço capitulasse diante dos nazistas.

No entanto, o livro não é uma apología da Suíça. O autor também faz severas criíticas ao que chama de "política de sobrevivência" do país.

"A Suíça não foi o modelo de virtude que propagou durante uma época nem o país interessado e sem convicção como foi caricaturado nos últimos anos", afirma Richardot.

Michel Walter

"Uma outra Suíça - 1940-1945/um bastião contra a Alemanha Nazista", Jean-Pierre Rchardot/Editino du Félin, Paris e Ed.Labor e FIDES, Genebra.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×