Navigation

Acidente em rodovia de São Paulo deixa ao menos 41 mortos

Mapa do Brasil localizando a cidade de Taguaí, no estado de São Paulo, onde uma colisão entre um caminhão e um ônibus deixou nesta quarta-feira pelo menos 40 mortos e 12 feridos. afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 25. novembro 2020 - 14:24
(AFP)

A colisão entre um caminhão e um ônibus nesta quarta-feira (25), no interior de São Paulo, deixou pelo menos 41 mortos e 10 feridos - aponta o último balanço da Polícia Militar (PM).

O ônibus, que transportava trabalhadores de uma empresa têxtil, colidiu com o caminhão pouco antes das 7h em uma rodovia próxima à cidade de Taguaí, a 344 quilômetros da capital, informou a PM.

As causas do acidente ainda não foram determinadas, enquanto as operações de resgate às vítimas continuam.

A PM informou que 37 pessoas morreram no local. Outras 14 foram resgatadas com vida, mas, destas, quatro faleceram nos hospitais. Nove dos feridos se encontram em estado grave.

Dezenas de bombeiros e policiais continuavam no local depois do meio-dia, executando as operações de resgate.

A imprensa local informa que havia pelo menos 53 passageiros no ônibus. O motorista do caminhão foi resgatado com vida.

Os feridos foram levados para hospitais de Taguaí, assim como para as cidades de Fartura e Taquarituba.

"É o maior acidente do ano" nas estradas de São Paulo, afirmou o tenente da Polícia Militar Alexandre Guedes, citado pela CNN Brasil.

A hipótese inicial é que o motorista do ônibus perdeu o controle do veículo.

O ônibus saiu de Taquarituba e seguia para Fartura, no sul do estado, perto da fronteira com o Paraná.

Autoridades de trânsito do Brasil estimam que entre 2015 e 2019 morreu uma média de 30.000 pessoas por ano em acidentes de trânsito no país.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?