Navigation

Agente de inteligência alemão é suspeito de espionar para EUA

(Maio) Manifestação de apoio a Snowden em Berlim afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 04. julho 2014 - 18:22
(AFP)

Um colaborador dos serviços secretos alemães (BND) é suspeito de ter espionado para os Estados Unidos a comissão parlamentar do Bundestag, encarregada de investigar as atividades da agência de inteligência americana NSA, indicaram nesta sexta-feira meios de comunicação alemães.

O jornal Süddeutsche Zeitung, as emissoras de rádio e televisão regionais NDR e WDR, assim como a agência alemã de imprensa DPA, apontaram essas suspeitas nesta sexta-feira.

Na quinta-feira, o procurador-geral federal havia anunciado a prisão de um alemão de 31 anos, suspeito de espionagem para um serviço estrangeiro. Não informou para qual serviço poderia ter espionado.

Ao ser interrogado sobre este caso durante uma coletiva de imprensa nesta sexta, o porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert, declarou que a chanceler Angela Merkel havia sido informada na quinta-feira. "O governo alemão vai esperar os resultados da investigação. Não há dúvida de que se trata de uma questão grave", disse.

As relações entre os Estados Unidos e a Alemanha estão tensas desde as revelações do ex-consultor de inteligência americano Edward Snowden sobre um grande programa de espionagem que teve como um de seus alvos as comunicações da chanceler Angela Merkel.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.