Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O A321neo da Airbus pode transportar até 240 passageiros e tem um motor mais eficiente, que reduz o consumo de combustível em até 20%

(afp_tickers)

A Airbus anunciou nesta quarta-feira (13) ter fechado a venda à Cathay Pacific de 32 aeronaves do modelo A321neo por mais de 4 bilhões de dólares, para renovar a frota de uma afiliada regional da companhia baseada em Hong Kong.

Os aviões de fileira única e médio alcance serão operados pela Cathay Dragon, que viaja entre Hong Kong e alguns destinos asiáticos, disse a Airbus em nota.

Um acordo preliminar tinha sido assinado em agosto.

As aeronaves A321neo "vão substituir e modernizar a frota operante atual da Cathay Dragon de 15 A320s e oito A321s, e os aviões vão permitir que a companhia aérea aproveite oportunidades de crescimento na região", disse a Airbus.

A Cathay Dragon atualmente opera em 56 destinos asiáticos, inclusive 28 na China.

Os A321neos podem transportar até 240 passageiros e usam motores mais eficientes, que reduzem o consumo de combustível em até 20%, explicou a Airbus.

Essa aeronave compete com o modelo 737 MAX 10, da sua rival Boeing.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP