Navigation

Al-Qaeda mata soldado iemenita na fronteira com a Arábia Saudita

Soldado iemenita em Sanaa, em 18 de maio de 2014. Homens armados com metralhadoras e lança-foguetes atacaram a parte iemenita do posto de fronteira de Wadia. afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 04. julho 2014 - 14:30
(AFP)

Um soldado iemenita morreu e outro ficou ferido nesta sexta-feira quando supostos membros da Al-Qaeda atacaram um posto militar na fronteira com a Arábia Saudita, segundo fontes das forças de segurança iemenitas.

Homens armados com metralhadoras e lança-foguetes atacaram a parte iemenita do posto de fronteira de Wadia. Segundo a fonte, o ataque leva a marca da Al-Qaeda.

A fronteira entre a Arábia Saudita e o Iêmen é cenários de intenso tráfico e infiltração da Al-Qaeda.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.