AFP

Os ataques contra estrangeiros aumentaram nos últimos meses em um país marcado pela extrema violência dos talibãs e de outros grupos

(afp_tickers)

Uma alemã e um guarda afegão morreram em um ataque contra um albergue em Cabul, anunciou neste domingo o ministério do Interior.

As autoridades também acreditam que uma finlandesa foi sequestrada no ataque, ocorrido no sábado à noite.

"Uma mulher finlandesa foi sequestrada às 23h30. Uma alemã e um guarda afegão morreram", escreveu no Twitter o porta-voz do ministério do Interior, Najib Danish.

A porta-voz do ministério das Relações Exteriores da Finlândia, Karoliina Romanoff, confirmou o sequestro, mas não revelou detalhes.

Scott Breslin, diretor da ONG sueca Operation Mercy, que administra o hostel, explicou à agência de notícias TT que estava a par do sequestro e que um comunicado será divulgado nas próximas horas.

Os ataques contra estrangeiros aumentaram nos últimos meses em um país marcado pela extrema violência dos talibãs e de outros grupos.

AFP

 AFP