Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O CEO da Alphabet, Eric Schmidt, em Paris, no dia 30 de junho de 2016

(afp_tickers)

A Alphabet, matriz da Google, testará drones de entrega nos Estados Unidos em cooperação com a Agência Federal de Aviação (FAA), anunciou nesta terça-feira a Casa Branca.

Essa colaboração faz parte de uma série de iniciativas anunciadas pelo governo de Barack Obama para impulsionar o desenvolvimento dos drones para uso não recreativo.

Um estudo será realizado em um dos seis lugares de testes de drones da FAA com os protótipos do "projeto Wing" da Alphabet "a fim de ganhar uma experiência operacional completa do serviço de entrega em um ambiente de teste seguro", diz o comunicado da Casa Branca.

Os testes incluirão o transporte de pacotes colocados na parte externa do drone e o manejo do aparato fora do campo de visão de seu operador, assim como o desenvolvimento de um sistema de comunicação e de gestão do espaço aéreo para os pequenos drones de baixa altitude (menos de 400 pés, cerca de 120 metros), segundo a nota.

Wing é um dos grandes projetos lançados pelo laboratório "X" que a princípio foi uma divisão da Google, mas que a partir de uma reorganização iniciada no ano passado passou a depender diretamente da Alphabet.

Além dos drones, o laboratório trabalhou em outros projetos futuristas como os veículos sem motorista ("Google Car") e os globos aerostáticos utilizados como repetidoras de internet (projeto "Loon").

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP