Navigation

Alta probabilidade de repetição do fenômeno meteorológico El Niño

O Rio Cali, na Colômbia, quase seco, devido ao calor gerado pelo El Niño, em 11 de setembro de 2009. afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 26. junho 2014 - 11:34
(AFP)

A probabilidade de que volte a acontecer este ano o fenômeno El Niño, caracterizado por temperaturas acima do normal no Oceano Pacífico, chega a 80%, advertiu a Organização Meteorológica Mundial (OMM).

"Existe 60% de probabilidade de que entre junho e agosto se instale plenamente um episódio do El Niño. E esta probabilidade será de entre 75 e 80% para o período de outubro a dezembro", anunciou a organização, vinculada à ONU.

"Muitos governos já começaram a preparar-se para a chegada do El Niño, que será muito provavelmente de intensidade moderada", afirma a OMM.

El Niño é um fenômeno natural, que acontece a cada período de dois a sete anos, e "tem grande influência no clima mundial". O último episódio aconteceu em 2009/2010.

A OMM destaca que recentemente as águas do Pacífico tropical registraram um aumento da temperatura, que atingiu o limite mínimo do El Niño e que "continuará aumentando durante os próximos meses" para alcançar "a máxima durante o último trimestre de 2014".

"As previsões dos modelos e as opiniões dos especialistas coincidem que o fenômeno ganhará máxima intensidade durante o quarto trimestre e persistirá durante os primeiros meses de 2015 para depois dissipar-se", afirma a OMM.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.