Navigation

AMLO mostra vídeo de subornos ligados a caso de corrupção do ex-chefe da Pemex

(Arquivo) Ex-diretor da PEMEX Emilio é transferido para um veículo da polícia espanhola, em 13 de fevereiro de 2020 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 18. agosto 2020 - 15:22
(AFP)

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, mostrou nesta terça-feira (18) um vídeo de dois ex-funcionários do Senado mexicano recebendo subornos em meio ao escândalo de corrupção do ex-chefe da estatal Pemex, Emilio Lozoya.

No vídeo, publicado originalmente no YouTube em 16 de agosto passado, dois ex-funcionários do Senado vinculados ao opositor PAN recebem maços de notas para depois colocá-los em malas pretas.

O vídeo viralizou na internet na segunda-feira, depois que López Obrador pediu a divulgação de detalhes das acusações que Lozoya fez contra o ex-presidente Enrique Peña Nieto e o ex-secretário da Fazenda e ex-chanceler Luis Videgaray, sobre subornos dados a legisladores para a aprovação da reforma energética, que abriu o setor para o capital privado após 75 anos de monopólio estatal.

López Obrador pediu a divulgação do vídeo em sua habitual coletiva de imprensa matinal, destacando que os meios de comunicação "não estão dando a devida importância".

O presidente acrescentou que a procuradoria-geral dirá se trata-se de um vídeo que Lozoya cedeu como suporte de suas acusações. No entanto, fontes disseram à imprensa mexicana que o vídeo não foi apresentado como prova diante da procuradoria.

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.