Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A Apple quer investir um bilhão de dólares para produzir programas

(afp_tickers)

A Apple comprou os direitos de uma nova série coproduzida pelas atrizes americanas Jennifer Aniston e Reese Witherspoon, disse um porta-voz do grupo nesta quarta-feira (8), um novo sinal das ambições do grupo californiano na produção de conteúdo.

O porta-voz confirmou a informação do site especializado The Hollywood Reporter, segundo o qual o grupo deu o aval para a produção de duas temporadas - 20 episódios no total -, algo incomum no mundo das séries de televisão.

De acordo com a mídia americana, vários interessados manifestaram a sua intenção de obter os direitos do projeto, que trata sobre a vida de apresentadoras de programas matinais da televisão americana.

Jennifer Aniston e Reese Witherspoon, que atuarão na série, são coproprietárias e coprodutoras, junto com a produtora Media Res, que dirigirá o projeto, segundo The Hollywood Reporter.

Enquanto Reese Witherspoon fez parte do sucesso da HBO "Big Little Lies" este ano, Jennifer Aniston interpretará um personagem da televisão recorrente pela primeira vez desde o fim de "Friends" (1994-2004), série que a lançou à fama.

Este é o segundo grande projeto lançado pela Apple na produção televisiva em poucas semanas.

Em meados de outubro, a Apple anunciou um acordo com a NBC Universal e a produtora do diretor Steven Spielberg para a produção de 10 novos episódios da série "Amazing Stories", transmitida pelo canal NBC entre 1985 e 1987.

Originalmente produzida e dirigida parcialmente por Steven Spielberg, a série obteve cinco prêmios Emmy, os mais importantes da televisão americana.

Segundo o Wall Street Journal, que revelou o acordo, o orçamento seria significativamente superior a cinco milhões de dólares por episódio, a nível das maiores séries de televisão.

A Apple quer investir um bilhão de dólares para produzir programas, de acordo com os meios de comunicação.

Por enquanto, a empresa só oferece conteúdo produzido por terceiros em seus serviços de venda on-line como Apple Music e Apple Store.

Vários gigantes da Internet e tecnologia estão envolvidos com atores históricos da televisão em uma batalha implacável para impor sua plataforma de streaming em um território cada vez mais batalhado.

Segundo vários meios de comunicação americanos, a Disney ter discutido recentemente com a 21st Century Fox a compra de certos ativos, o que lhe permitiria reforçar sua oferta antes do lançamento de seu próprio serviço de streaming.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP