Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Posto de gasolina em Nova Délhi, em 29 de setembro de 2016

(afp_tickers)

A Argentina anunciou nesta segunda-feira a liberação do preço dos combustíveis no mercado interno a partir de 1º de outubro, após 16 anos de acordos entre as empresas petroleiras e o Estado, informou o ministério de Energia.

A partir de outubro, os preços serão definidos com base no valor do petróleo no mercado internacional, informou uma nota do ministério datada na sexta-feira mas que só foi divulgada nesta segunda.

Até agora, as refinarias e o governo mantinham um esquema de revisão de preços trimestral em uma complexa fórmula baseado no preço internacional e na taxa de câmbio.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP