AFP

Uma pessoa não identificada foi morta e nove capacetes azuis ficaram feridos em Timbuktu

(afp_tickers)

Uma pessoa não identificada foi morta e nove capacetes azuis ficaram feridos nesta quarta-feira em Timbuktu, no norte do Mali, durante um ataque contra um campo da força da ONU (Minusma), informou a instituição.

"O campo da Minusma em Timbuktu foi alvo de um ataque com morteiros ou lança-foguetes. O balanço provisório é de nove capacetes azuis feridos, incluindo quatro graves", informou a ONU, acrescentando que "o ataque causou um morto cuja identificação está em curso".

"De acordo com relatórios preliminares, seis morteiros" atingiram o campo militar da ONU.

O comunicado não fornece detalhes sobre a nacionalidade dos capacetes azuis feridos, embora a Libéria e a Suécia tenham comunicado o ataque por terem soldados destacados na base.

Em Estocolmo, o Exército sueco informou que um de seus soldados ficou levemente ferido no ataque.

A ONU reforçou a segurança em torno da base após o "ataque covarde", explica o comunicado.

Uma intervenção militar internacional, lançada em janeiro de 2013 por iniciativa da França, expulsou a maior parte dos extremistas presentes no norte do país africano, mas ainda existem grandes áreas fora do controle das forças do Mali, francesas e da ONU.

AFP

 AFP