AFP

(Arquivo) A Bolsa de São Paulo suspendeu nesta quinta-feira suas operações pouco depois da abertura, diante de uma queda de mais de 10% do índice Ibovespa

(afp_tickers)

A Bolsa de São Paulo teve uma queda de 8,8% nesta quinta-feira em meio à crise política que atingiu o país, após denúncias de corrupção envolvendo o presidente Michel Temer.

A Bolsa chegou a 61.597 pontos, após seis dias consecutivos em alta e de se aproximar dos 69.000 pontos na última terça-feira.

A Bolsa de São Paulo chegou a paralisar temporariamente suas operações pouco depois da abertura. A suspensão aconteceu às 10H20, quando a Ibovespa caía 10,47%. Pouco depois de 11H00 a Bolsa já operava normalmente.

O abalo ultrapassou as fronteiras e chegou também à Argentina, que tem o Brasil como seu maior parceiro comercial. O índice Merval da Bolsa de Buenos Aires caiu 2,95%.

AFP

 AFP