Navigation

Bolsonaro é operado após ser esfaqueado em ato de campanha

Candidato de extrema direita Jair Bolsonaro logo após ter levado uma facada no estomago durante um evento de campanha em Juíz de Fora, no dia 6 de setembro de 2018 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 06. setembro 2018 - 21:26
(AFP)

O candidato à presidência Jair Bolsonaro foi submetido nesta quinta-feira (6) a uma cirurgia após ter sido vítima de uma facada em um ato de campanha em Juiz de Fora, Minas Gerais, informou o hospital Santa Casa.

"O paciente Jair Messias Bolsonaro deu entrada no hospital por volta das 15h40 com uma lesão por material perfurocortante na região do abdômen. Ele foi atendido na urgência, passou por um exame de ultrassonografia e agora está no centro cirúrgico", informou a instituição em seu site.

Bolsonaro foi ferido levemente com uma faca durante um encontro de campanha em Juiz de Fora nesta quinta, informou um de seus filhos.

"Jair Bolsonaro sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdômen. Graças a Deus, foi apenas superficial e ele pesa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós!", afirmou o filho do candidato Flávio Bolsonaro pelo Twitter.

O candidato, favorito nas pesquisas para o primeiro turno de 7 de outubro, foi transferido ao hospital Santa Casa de Juiz de Fora, enquanto o suspeito foi detido, informou a polícia, citada pela Agência Brasil.

Capitão da reserva do Exército e deputado federal, Jair Bolsonaro, de 63 anos, tem 22% das intenções de voto, segundo a pesquisa Ibope divulgada na quarta-feira.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.