Navigation

Bolsonaro deixa UTI

Jair Bolsonaro em Madureira, em 27 de agosto de 2018 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 11. setembro 2018 - 23:35
(AFP)

O candidato à presidência Jair Bolsonoaro, esfaqueado na última quinta-feira, deixou nesta terça a unidade de terapia intensiva do Hospital Israelita Albert Einstein, onde o político está internado desde a sexta-feira.

Bolsonaro, de 63 anos, "recebeu nesta terça-feira alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), passando agora para uma unidade de cuidados semi-intensivos", relatou o boletim do centro médico em São Paulo.

O líder das pesquisas para o primeiro turno de 7 de outubro passou por uma colostomia depois de ter levado uma facada na semana passada em Juiz de Fora. Ele ainda precisará passar por uma nova cirurgia para reconstruir o trânsito intestinal, segundo informes médicos.

"Foi iniciada uma dieta leve, com boa tolerância do paciente sem apresentar náuseas ou vômitos", informou a equipe médica que trata o candidato do Partido Social-Liberal (PSL). Bolsonaro não tem febre nem apresenta sinais de infecção, acrescentou o boletim.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.