Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Fumaça após ataque do regime sírio em Jobar, em Damasco

(afp_tickers)

Os bombardeios da coalizão internacional antijihadista liderada pelos Estados Unidos na Síria mataram 472 civis nas últimas quatro semanas, o dobro do mês anterior, informou nesta sexta-feira a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

De acordo com a ONG, o período entre 23 de maio e 23 de junho registra o maior número de civis mortos neste tipo de bombardeios desde o início das operações da coalizão antijihadista, em 23 de setembro de 2014.

AFP