Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Surfista na França

(afp_tickers)

O filme "80 e Tal", do brasileiro Rafael Mellin, compartilhou com "Biarritz Surf Gang", dos franceses Nathan Curren e Pierre Denoyel, o prêmio do Festival de Cinema de Surfe, encerrado nesta quinta-feira (13) em Anglet, sudoeste da França.

Ao fim da 14ª edição desse festival internacional, foi "impossível escolher entre essas duas produções, que tratam do mesmo tema: o vínculo histórico do surfe com seus próprios países", explicou o presidente do júri, Wilco Prins.

O diretor Rafael Mellin também recebeu o Prêmio de Melhor Edição e de Melhor Trilha Sonora.

O Prêmio do Público foi para os franceses Justine Maureen e Damien Castera por "Kaleleleo", que relata um aventura para descobrir ondas virgens do outro lado do mundo.

"Cold Lines", da também francesa Claudia Lederer, levou o Prêmio de Melhor Curta-Metragem "por sua finura e por sua elegância", segundo o júri.

AFP