A atriz australiana Cate Blanchett presidirá o júri do 77º Festival de Cinema de Veneza, que será realizado de 2 a 12 de setembro, anunciaram os organizadores nesta quinta-feira.

"Todo ano eu estudo a seleção de Veneza, e todo ano acho surpreendente e notável", disse Cate Blanchett, 50 anos, depois de receber a notícia, segundo o comunicado.

"Veneza é um dos festivais de cinema mais atraentes do mundo. É uma celebração do cinema, o meio que provoca e estimula em todas as suas formas", declarou ainda.

Para Alberto Barbera, diretor artístico da Mostra Venetian "será um grande prazer" receber Cate Blanchett em Veneza como presidente do júri "depois de aplaudi-la como a magnífica intérprete de 'Elizabeth: a idade de ouro" de Shekhar Kapur e em "I'm Not There ", do americano Todd Haynes, no qual ele transforma Bob Dylan em um dândi andrógino", disse ele.

A atriz foi escolhida "por seu compromisso artístico, humanitário e de apoio ambiental, além da defesa da emancipação feminina em um setor como o filme que ainda precisa enfrentar preconceitos machistas", disse Barbera.

Conhecida por sua batalha contra a violência sexual contra mulheres no cinema, Cate Blanchett estrelou um protesto histórico há dois anos, juntamente com outras estrelas durante o festival de Cannes na França, ano em que também presidiu o júri.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.