AFP

O chefe do Pentágono, Jim Mattis

(afp_tickers)

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Jim Mattis, viajará na próxima semana para o Oriente Médio e para a África com o objetivo de realizar uma série de encontros com aliados regionais, informou nesta sexta-feira o Pentágono.

A viagem, a quarta de Mattis ao exterior desde que assumiu a Defesa, ocorre em meio ao agravamento das tensões com a Rússia após o ataque militar dos Estados Unidos a uma base área da Síria em resposta a um suposto ataque com armas químicas atribuído ao governo de Bashar al-Assad.

O chefe do Pentágono fará escalas na Arábia Saudita, no Egito, em Israel, no Catar e na República de Djibouti.

A viagem servirá para "reafirmar as alianças militares fundamentais dos Estados Unidos, para se comprometer com sócios estratégicos no Oriente Médio e na África, e para discutir os esforços de cooperação com o objetivo de contra-atacar as atividades desestabilizadores, além de derrotar as organizações terroristas extremistas", disse o Pentágono.

Mattis se reunirá em Israel com o presidente Reuven Rivlin, com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu e com o ministro da Defesa Avigdor Lieberman.

O secretário de Defesa também conversará com os aliados regionais dos Estados Unidos sobre a crescente influência do Irã.

AFP

 AFP