Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Uma equipe de resgate homenageia as vítimas da série de explosões ocorridas em Kaohsiung, a segunda maior cidade de Taiwan, em 2 de agosto de 2014.

(afp_tickers)

As autoridades de Kaohsiung, a segunda maior cidade de Taiwan, retiraram os moradores de duas ruas após um vazamento de gás no mesmo lugar onde na semana passada uma série de explosões deixaram 30 mortos e mais de 300 feridos.

"Ordenamos temporariamente a evacuação e restringimos o acesso às ruas", disse Chen Chin-der, chefe do escritório de meio ambiente da cidade, indicando que no momento estão determinando a quantidade de gás liberado.

"A porcentagem mais alta é de metano, mas há outros tipos de gás", disse.

Uma série de explosões na última semana em Kaohsiung, situada perto de um complexo petroquímico, incendiaram as ruas e lançaram alguns veículos ao telhado dos imóveis.

As autoridades acusaram a companhia LCY Chemical das explosões, ao afirmar que dez toneladas de propano escaparam de seus oleodutos horas antes da primeira explosão.

AFP