Navigation

Colômbia aprova vacina da Pfizer contra Covid-19

Aviso de risco de infecção instalado em rua de Bogotá afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 06. janeiro 2021 - 01:35
(AFP)

A Colômbia concedeu nesta terça-feira autorização emergencial para a vacina contra a Covid-19 desenvolvida pelo laboratório Pfizer, anunciou o presidente Iván Duque em seu programa de TV.

Duque anunciou em dezembro a aquisição de 10 milhões de vacinas da Pfizer, além de 10 milhões da AstraZeneca e nove milhões da Johnson & Johnson, por meio de acordos bilaterais, além do acesso a 20 milhões de doses através da iniciativa Covax.

Segundo o cronograma oficial, o governo planeja iniciar o processo de imunização em fevereiro, começando por funcionários da área de saúde, idosos e pessoas com comorbidades.

O Ministério da Saúde colombiano registrou hoje o maior número de infecções pela Covid-19 em um dia desde o começo da pandemia: 16.835. O novo coronavírus já deixou quase 45 mil mortos e mais de 1,7 milhão de infectados na quarta maior economia da América Latina.

Partilhar este artigo