Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Membros da Guarda Nacional Venezuelana no estado de Táchira, perto da fronteira com a Colômbia, em 30 de agosto

(afp_tickers)

A Colômbia irá conceder a nacionalidade aos venezuelanos com famílias divididas pelas expulsões maciças de colombianos provocadas por Caracas nos últimos dias, informou neste domingo a chanceler colombiana, Maria Ángela Holguín.

"Vamos dar a nacionalidade colombiana às pessoas colombianas casadas com venezuelanos e aos venezuelanos que quiserem viver na Colômbi. Queremos que as famílias vivam unidas, não queremos dividir famílias", afirmou Holguín em coletiva de imprensa na cidade fronteiriça de Cúcuta, 600 km a nordeste de Bogotá.

Segundo cifras do governo colombiano, o fechamento de parte da fronteira, decretado pelo presidente venezuelano, Nicolás Maduro, deixou mil colombianos deportados e mais de 6.000 repatriados espontaneamente por medo de sê-lo e ficar separados de suas famílias e perder seus pertences.

AFP