Navigation

Congresso dos EUA desbloqueia US$ 8,3 bilhões para combater coronavírus

(Arquivo) O senador Patrick Leahy afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 05. março 2020 - 20:58
(AFP)

O Congresso dos EUA aprovou nesta quinta-feira (5) um plano de emergência de 8,3 bilhões de dólares para financiar a luta contra a propagação do novo coronavírus no país.

O Senado votou quase por unanimidade a favor desse financiamento excepcional, resultado de um acordo entre legisladores republicanos e democratas e que já havia sido votado na quarta-feira pela Câmara dos Deputados.

"O Congresso demonstrou uma capacidade de liderança forte e decisiva contra o novo coronavírus", disse o senador democrata Patrick Leahy, que recebeu com agrado o texto que foi redigido e aprovado por ambas as partes "em nove dias devido à emergência".

O plano visa melhorar a "preparação e resposta do governo" à epidemia, alocando fundos para pesquisa e desenvolvimento de vacinas, tratamentos médicos e diagnóstico, bem como assistência para o desenvolvimento de atendimento médico à distância.

Nos Estados Unidos, mais de 180 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19, que até agora deixou 11 mortos, segundo uma contagem feita quinta-feira pela AFP a partir de dados de fontes oficiais.

Em todo o mundo, a epidemia produziu 97.616 casos conhecidos desde o início da epidemia, incluindo 3.347 mortes em 85 países e territórios, segundo a contagem da AFP.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.