Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente americano, Donald Trump, discursa na ONU.

(afp_tickers)

O ministro das Relações Exteriores da Coreia do Norte, Ri Yong-ho, declarou nesta quarta-feira, em Nova York, que as declarações do presidente americano, Donald Trump, de que vai "destruir totalmente" seu país são ameaças de quem apenas "late".

"Há o ditado de que a caravana passa e os cães ladram", declarou Ri Yong-ho na entrada de seu hotel. "Se querem nos ameaçar com um latido, estão tendo claramente um sonho de cachorro".

Trump usou todo o seu arsenal retórico na terça-feira, na Assembleia Geral das Nações Unidas, ao declarar que "se os Estados Unidos forem forçados a se defender ou a seus aliados, não haverá outro remédio que destruir totalmente a Coreia do Norte".

O discurso de Trump ocorreu após meses de tensão entre os dois países devido ao programa nuclear e balístico de Pyongyang, que tem desafiado as sanções da ONU com testes atômicos e o disparo de mísseis que sobrevoam o Japão.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP