Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Placas de energia solar são vistas em Beirute, no dia 12 de novembro de 12 de novembro de 2015

(afp_tickers)

As energias renováveis experimentaram um crescimento recorde mundial em 2015, indicou a Agência Internacional de Energias Renováveis (Irena) em um relatório apresentado nesta quinta-feira em sua sede em Abu Dhabi.

As capacidades instaladas aumentaram 8,3% em 2015 (o que representa 153 gigawatts a mais), informa o relatório, ressaltando que é "o maior crescimento já registrado".

Este crescimento é impulsionado pela energia solar (+ 26%) e eólica (+17%), contra 5% para a bioenergia e geotérmica, e +3% para o sistema hidráulico, segundo o estudo.

A hidráulica continua a ser o tipo de energia renovável mais importante, com 61% da capacidade no final de 2015.

No total, o mundo dispunha no final de 2015 de 1985 GW de capacidade de geração renovável.

A queda nos preços é o principal fator de aceleração do desenvolvimento de energias renováveis, com por exemplo, 45% para turbinas eólicas desde 2010, disse Irena.

As regiões mais dinâmicas em 2015 foram a América Central e o Caribe (+14,5%) e Ásia (+12,4%), que concentraram 58% da nova capacidade instalada no ano passado, muito à frente da América do Norte (+6,3%) e Europa (+ 5,2%), de acordo com o relatório.

AFP