Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Cerca de 1.300 crianças americanas morrem e 5.790 recebem tratamento por terem sido atingidas por bala por ano, segundo estudo recente

(afp_tickers)

Duas crianças pequenas foram internadas em estado grave após um colega disparar acidentalmente uma arma de fogo em uma creche no estado americano de Michigan.

A Polícia do subúrbio de Dearborn, Detroit, disse na quarta-feira (27) que o pequeno utilizou uma arma que estava em uma casa que funcionava como creche.

O menino manipulou a arma, que foi disparada e feriu dois de seus colegas -- ambos de três anos, de acordo com a imprensa americana, que cita a existência de várias armas no local.

"Não vou especular sobre o que aconteceu, mas obviamente havia armas próximo ao local onde estavam as crianças, e isso é completamente inaceitável", contou o chefe da polícia de Dearborn, Ronald Haddad.

A legislação do estado de Michigan não proíbe a existência de armas em locais onde crianças estejam sendo cuidadas, disse o canal televisivo local WXYZ, mas exige que elas estejam sem munição e fora do alcance dos menores.

A creche era dirigida por Samantha Eubanks, mãe de seis filhos que cuidava de outras crianças, segundo vizinhos e familiares.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP