AFP

(Arquivo) O atacante português Cristiano Ronaldo

(afp_tickers)

O atacante português Cristiano Ronaldo, suspeito de uma fraude fiscal de 14,7 milhões de euros, foi convocado a depor em 31 de julho pela Justiça espanhola, informou nesta terça-feira uma fonte judicial.

O astro do Real Madrid, de 32 anos, é esperado às 11h00 (6h00 de Brasília) para ser ouvido a respeito de quatro supostos delitos cometidos contra o Tesouro Público espanhol, segundo a fonte.

A Procuradoria suspeita que o atleta utilizou várias sociedades no exterior para esconder do fisco rendas geradas por direitos de imagem.

AFP

 AFP